quinta-feira, 22 de julho de 2010

TSE dá direito de resposta ao PT por ‘ofensas’ de Indio da Costa

Candidato a vice de Serra disse que partido é ligado às Farc e narcotráfico.
Cabe recurso ao plenário do TSE da decisão do ministro Henrique Neves.


Nathalia PassarinhoDo G1, em Brasília

O ministro Henrique Neves, do Tribunal Superior Eleitoral, acatou nesta quinta-feira (22) o pedido feito pelo PT de direito de resposta às declarações do candidato a vice- presidente na chapa encabeçada por José Serra (PSDB), Indio da Costa, de que PT tem ligações com o narcotráfico e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc). Ainda cabe recurso da decisão ao plenário da corte. O G1 deixou recado no escritório do advogado do PSDB e aguarda retorno.

As declarações de Indio foram feitas na semana passada em entrevista ao site “Mobiliza PSDB”. Na última segunda-feira (19), a coligação liderada pelo PT – “Para o Brasil Seguir Mudando” – entrou com representação no TSE contra Indio da Costa e o PSDB pedindo direito de resposta pelas supostas “calúnias” feitas pelo candidato.

Nesta tarde, Neves avaliou que as declarações do candidato a vice foram “ofensivas” e determinou a veiculação da resposta do PT por dez dias no site “Mobiliza PSDB”. “No caso, tenho que a afirmação de ser o Partido dos Trabalhadores ligado ao narcotráfico e ‘ao que há de pior’ é, por si, suficiente para a caracterização da ofensa e o deferimento do direito de resposta”, afirma Neves na decisão.

O ministro, contudo, não aceitou o texto de resposta proposto pelo PT por considerar que o conteúdo extrapola os limites permitidos pela legislação ao fazer menção à candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff.

"Examino o teor da resposta apresentada pelo requerente. Reconheço, tal como aponta o Ministério Público Eleitoral, que o texto da resposta extrapola os limites do permitido ao apontar a retomada de territórios que 'nos governos anteriores, foram ocupados por criminosos' e fazer referências à campanha da candidata Dilma Roussef", disse.

Um dos trechos do texto apresentado pelo PT para ser veiculado como resposta a Indio da Costa diz: "Dilma Rousseff é recebida com entusiasmo pelas multidões, numa campanha pautada pelo comportamento republicano. Nossos adversários valem-se da manipulação na vã tentativa de mudar o julgamento amplamente favorável que a sociedade faz do PT, do governo do presidente Lula e de nossa candidata, Dilma Rousseff".

Nenhum comentário: