quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Folha e UOL realizam hoje 1º debate online entre presidenciáveis, com Dilma, Serra e Marina

O jornal Folha de S.Paulo e o portal UOL promovem nesta quarta-feira (18) o primeiro debate da história da internet entre candidatos à Presidência da República. Os três principais candidatos à Presidência, Dilma Rousseff (PT), José Serra (PSDB) e Marina Silva (PV), participam do debate, a partir das 10h30, no Tuca, teatro da PUC-SP (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo), com transmissão ao vivo pelo UOL. O jornalista Fernando Rodrigues, da Folha e do UOL, será o mediador do debate.

Os candidatos convidados são os três mais bem colocados nas pesquisas. Na segunda-feira (16), pesquisa Ibope mostrou que a candidata do PT lidera a disputa com 43% das intenções de voto, contra 32% de Serra e 8% de Marina Silva. A última pesquisa Datafolha sobre a disputa presidencial, divulgada na sexta-feira (13), também apontou a liderança da candidata petista com 41% das intenções de voto, contra 33% do tucano e 10% de Marina.

O debate Folha/UOL terá duas horas de duração, divididas em seis blocos. Nos três primeiros blocos, os candidatos farão perguntas entre si. Pelo regulamento, todos os candidatos farão e responderão, obrigatoriamente a, no mínimo, uma pergunta cada.

No primeiro bloco, Marina começa perguntando, seguida de Dilma e depois Serra. No segundo bloco, a ordem de perguntas será Serra, Dilma e Marina. No terceiro, Dilma abre, e na sequência Marina e Serra perguntam.

Os candidatos terão um minuto para fazerem suas perguntas, cujas respostas deverão ter até dois minutos de duração. O autor da pergunta tem ainda direito a réplica de um minuto e meio, mesmo tempo da tréplica do candidato questionado.

O quarto e quinto blocos serão dedicados às perguntas enviadas em vídeo pelos internautas. Ao todo, foram selecionadas 12 perguntas pela Folha e pelo UOL, com prioridade para aquelas que tratem de temas relevantes para o País.

No quarto bloco, Dilma, Serra e Marina terão dois minutos cada para responder, nesta ordem, a duas perguntas de internautas cada um. No quinto bloco, muda somente a sequência de respostas, que será Serra, Dilma e Marina.

No último bloco os candidatos responderão a perguntas dos jornalistas Josias de Souza (Serra), Renata Lo Prete (Marina), editora da coluna Painel da Folha, e de Rodrigo Flores (Dilma), gerente-geral de notícias do UOL, respectivamente. Cada candidato terá dois minutos para responder. Em seguida, Dilma, Serra e Marina, nesta ordem, terão três minutos cada para as considerações finais.

Cada candidato contará com 50 convidados na plateia, entre assessores, correligionários e outros. Ofensas pessoais e acusações que atinjam a honra e a dignidade dos postulantes não serão permitidas. Caso isso ocorra, os candidatos poderão solicitar o direito de resposta de um minuto, que será avaliado por uma comissão que avaliará a pertinência do pedido.

Além do UOL e da Folha.com, os internautas poderão acompanhar o evento em suas redes sociais favoritas. As imagens em vídeo do evento estarão disponíveis noTwitter, no Facebook e em salas de bate-papo UOL criadas especialmente para a ocasião. Dessa maneira, o internauta poderá interagir com outros usuários, dividir opiniões com amigos e recomendar o debate para outras pessoas.

No Twitter, por exemplo, os eventos serão transmitidos ao vivo pelo perfil do UOL Eleições (@UOLEleicoes). Além de acompanhar os tweets postados pela redação sobre os bastidores, o internauta poderá assistir ao debate em vídeo, via Twitcam. Para acompanhar a repercussão dos debates no microblog e fazer comentários sobre o desempenho dos candidatos, o UOL sugere o uso da hashtag #debatefolhauol.

Usuários de iPhone e iPad também poderão ver o debate em seus dispositivos móveis. As imagens e o "minuto a minuto" estarão disponíveis em tecnologia que dispensa o uso do flash -- tipo de arquivo normalmente usado para transmissões em vídeo na internet e que não pode ser reproduzido por esses aparelhos.

Transmissão

Para democratizar o encontro, todos os meios de comunicação interessados poderão compartilhar e transmitir o sinal de áudio e vídeo do debate. Portais de internet, emissoras de rádio, TVs e outros veículos terão amplo acesso para fazer a cobertura jornalística do evento.

O debate também terá transmissão de outros 14 veículos: JC Online (Recife), “O Povo” (Fortaleza), Cosmo (Campinas), Vírgula (São Paulo), Olhar Digital (São Paulo), Videolog (Rio de Janeiro), “Jornal do Comércio” (Rio Grande do Sul), Portal Imprensa (São Paulo), Congresso em Foco (Brasília), Convergência Digital (Brasília), Última Instância (São Paulo), Jus Navigandi (Teresina), Blog do Josias e Blog do Noblat.

UOL

Nenhum comentário: