terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Comércio abre amanhã, mas repartições públicas e bancos fecham no município de Campos

Nesta quarta-feira, feriado municipal de Nossa Senhora da Conceição, o comércio do município de Campos está autorizado a funcionar normalmente. Desde que seja cumprindo a cláusula do acordo entre o Sindicato do Comércio Varejistas e dos Comerciários, que prevê pagamento de 100% de hora extra, mas lanche no valor de R$ 7,00 e respeito da jornada de trabalho de  6 horas nos feriados. A informação é do presidente da Associação Comercial e Industrial de Campos- ACIC- Amaro Ribeiro Gomes.
A expectativa dos comerciantes é que o movimento de hoje seja satisfatório. Já que as repartições públicas e bancos não irão funcionar, permitindo assim, que estes trabalhadores possam antecipar suas compras de Natal.  A previsão é que o comércio registre um aumento de mais de 25% em relação ao mesmo período do ano passado, comentou Amaro Ribeiro Gomes.
Outro fator que vem chamando a atenção do consumidor, é o espírito natalino que já chegou a cidade, com a Praça do santíssimo São Salvador toda decorada e as lojas ornamentadas. Ele destacou ainda, que muitas empresas já liberaram a primeira parcela do 13º salário, permitindo assim que as famílias já antecipem as compras. Ele destacou que muitas lojas, principalmente dos segmentos de vestuários, calçados, perfumarias e eletrodomésticos já vem registrando um movimento acima da média desde o final de outubro.
O presidente da ACIC também destacou que para atender esta demanda, as lojas do centro comercial já estão autorizadas a funcionar até às 21 horas durante a semana, desde também que pague 50% de horas extras e o lanche no valor de R$ 7,00 e respeite a jornada de 8 horas diárias.
“Esperamos que este Natal seja muito satisfatório, tanto para os empresários como também para os funcionários. Para atrair ainda mais o consumidor as empresas ampliaram seu estoque, oferecendo novidades e condições de pagamentos convidativas com pagamento a  longo prazo ou até mesmo desconto para quem opta pelas compras à vista. O comércio vive uma de suas melhores fases dos últimos 5 anos”, comentou.
Quanto à abertura do comércio nestes dois domingos que antecedem o natal, o presidente da ACIC aguarda uma resposta do setor jurídico que da cláusula que obriga o lojista a homologar o quadro de funcionários, e no ato, apresentar o comprovante de contribuição sindical dos últimos cinco anos.

Campos dos Goytacazes, 07 de Dezembro de 2010

Jô Siqueira
Ascom/ACIC

Nenhum comentário: