sexta-feira, 25 de março de 2011

Votos de Arnaldo Vianna podem mudar composição da Câmara Federal

O jornalista Felipe Sáles informa no blog da coluna “Extra, Extra”, da Berenice Seara, que depois da comemoração pela sentença do Supremo Tribunal Federal, que valida a lei da Ficha Limpa apenas a partir das eleições do ano que vem, os fichas-sujas começam a arregaçar as mangas. A bancada do Rio na Câmara dos Deputados deve sofrer alterações a partir da retotalização de votos de Arnaldo Vianna (PDT) e Celso Jacob (PMDB). Eles tiveram, respectivamente, 53.605 e 31.202 votos.  “Assim, Jacob teria direito à terceira suplência. Com a recontagem, o PMDB ganha mais uma vaga, o que deve tornar Nelson Bornier, hoje primeiro suplente, titular de uma das cadeiras. Nestor Vidal também ganha espaço na Câmara, na vaga, provavelmente, de Rodrigo Bethlem, hoje secretário de Assistência Social da Prefeitura do Rio. O primeiro suplente então seria Fernando Jordão; o segundo, Solange Almeida; e, em seguida, Celso Jacob”, informa a nota.


Alexandre Bastos

Nenhum comentário: