segunda-feira, 13 de junho de 2011

Descoberta a origem da superbactéria: brotos de feijão

Consumo deste vegetal causou 30 mortes, sobretudo na Alemanha

Finalmente foi descoberta a origem da superbactéria que deixou 30 mortos na Europa. Segundo cientistas alemães, a culpa é de brotos de feijão cultivados numa área agrícola em Bienenbüttel, Alemanha. As informações foram divulgadas por porta-vozes do Instituto Robert Koch (RKI) e do Instituto Federal de Avaliação de Riscos em coletiva de imprensa.
“Foi possível determinar que a causa foram os brotos”, disse Reinhard Burger, do RKI. “As pessoas que consumiram esses produtos tiveram nove vezes mais probabilidade de sofrer de diarreia com sangue (um dos principais sintomas da infecção) do que as que não consumiram”, acrescentou.
Durante a coletiva foi anunciada a suspensão do alerta decretado no final de maio contra o consumo de pepinos, tomates e alface na Europa. “Não há nenhuma outra pista além dos brotos germinados”, explicou.
De acordo com ele, os brotos contaminados já devem ter sido consumidos ou jogados fora. Mesmo assim, ele deixou claro que a crise não acabou e que os europeus não devem ingerir brotos.
O Dia

Nenhum comentário: