sexta-feira, 29 de julho de 2011

Alerta para os homens

Câncer nos testículos atinge principalmente aqueles com idades entre 15 e 50 anos. Apesar de agressivo, tem cura e não causa impotência, ao contrário do que se pensa


Se na ficção a vida de André Gurgel, interpretado por Lázaro Ramos em ‘Insensato Coração’, sofrerá uma reviravolta após o galã descobrir que tem câncer nos testículos, na vida real não é muito diferente. Homens que sofrem com o problema enfrentam o drama de não saber as consequências da doença. 

Diferentemente do que muitos pensam, esse tipo de tumor, apesar de agressivo, não causa impotência. Em alguns casos, o câncer pode causar infertilidade — mas, na maioria das vezes, o quadro é temporário, podendo se prolongar até seis meses depois do término do tratamento, segundo o chefe do Serviço de Oncologia Clínica do Instituto Nacional de Câncer (Inca), Daniel Herchenhorn.

“O tumor atinge normalmente um testículo só. O tratamento requer a retirada desse órgão, mas o outro se mantém, produzindo testosterona. Por isso, o homem não deixa de ter ereção. Em casos raríssimos em que atinge os dois testículos, outros tratamentos são avaliados”.

Segundo o Inca, a doença atinge homens em idade reprodutiva — dos 15 aos 50 anos, sendo mais comum dos 20 aos 40. Na novela, o tumor será descoberto após André ter relações sexuais com uma médica. Segundo Daniel, é possível que uma mulher descubra sinais de câncer no parceiro, mas pouco comum.

“O tumor é identificado por um aumento no volume do testículo ou a presença de um nódulo. O paciente observa essas mudanças pelo auto-exame”, esclarece Daniel.

Auto-exame

- Segundo o Inca, o câncer de testículo é um dos mais curáveis, principalmente se detectado no início. O auto-exame deve ser feito uma vez por mês, após banho quente.

- De pé, em frente ao espelho, verifique a existência de alterações em alto relevo na pele dos testículos, examinando com as duas mãos.

- Não se assuste se um dos testículos parecer maior que o outro. Fique atento a alterações no tamanho dos testículos.

- Se notar presença de nódulos ou aumento no volume, vá ao urologista.

Ciência e Saúde - O Dia

Nenhum comentário: