quinta-feira, 8 de setembro de 2011

"Super Ézio" na luta contra o Câncer

Ézio é o oitavo maior artilheiro da história do clube: marcou 118 gols em 236 jogos pelo Fluminense.

Ex-jogador do Fluminense, natural da vizinha Ponte do Itabapoana, no município capixaba de Mimoso do Sul, trava luta contra a doença desde o ano passado.
A notícia não é nada boa para a torcida do Fluminense e para todos nós da região, que sempre admiramos a pessoa e o atleta, conhecido em nossa região como Ezinho. Ézio, artilheiro do tricolor carioca na década de 90, vem tratando de um tumor no pâncreas e outro no fígado. Sua esposa, Isabela Nogueira, informou que a doença foi descoberta em outubro do ano passado, mas só agora Ézio resolveu assimilar o problema e se tratar, como divulgou o site NETFLU
"Ele está com câncer, não queria que divulgasse no início. Está em tratamento, emagreceu, mas não está fazendo quimioterapia. Está tomando um remédio porque o tratamento através da quimioterapia não combate os tumores que ele tem. Ninguém do clube sabia até então, mas já nos procuraram, falaram que estão à disposição para qualquer coisa. Não temos nada a falar do Fluminense. Foram bem simpáticos, solícitos", declarou Isabela.
Ézio Leal Moraes Filho se tornou um dos maiores artilheiros do Fluminense. Jogou pelo time das Laranjeiras de 1991 a 1995, marcando 118 gols em 236 jogos. É o oitavo maior goleador da história do clube e um dos maiores da história do Fla-Flu, com 12 gols. O ex-atacante estava trabalhando como empresário de jogadores e também acumulava o cargo de vice-presidente do Yasmin, clube da Terceira Divisão do futebol carioca.
Força Ezinho, estamos todos torcendo pela sua recuperação!
Com informações do portal UOL

Nenhum comentário: