segunda-feira, 14 de maio de 2012

Santoeduardense de sucesso: ex-camelô que virou palestrante dá 10 lições de empreendedorismo


Palestrante reconhecido e premiado pelo mundo, o ex-camelô David Portes, 55, ex-morador de Santo Eduardo, é um exemplo de que bons negócios estão à disposição de quem sabe enxergá-los. Ele, que já foi chamado de “encantador de clientes” e “guru do marketing”, contou ao Portal UOL dez dicas para o sucesso de novos empreendedores.
Para Portes, primeiro: boas ideias só ajudam, se tiradas do papel. Preparo e qualificação abrem caminhos. Há oportunidades mesmo em momentos difíceis. Sucesso surge com inovação e divulgação. Olho na concorrência e na clientela colocam o negócio à dianteira. Uma boa dose de iniciativa ajuda a mudar a realidade. E sorrir é fundamental. Palestrante reconhecido e premiado pelo mundo, o ex-camelô David Portes, 55, é um exemplo de que bons negócios estão à disposição de quem sabe enxergá-los. Ele, que já foi chamado de “encantador de clientes” e “guru do marketing”, tem dez dicas para o sucesso de novos empreendedores.

Clique aqui e leia a reportagem na íntegra.

Infância Humilde
David nasceu em 15 de dezembro de 1956 na pequena e pobre cidade de Santo Eduardo, município de Campos, interior do estado do Rio de Janeiro. Como não existia cartório lá, seu pai, Albano Moreira Portes, teve que andar alguns quilômetros, atravessar um rio e finalmente pegar um transporte para chegar até Bom Jesus de Itabapoana, cidade vizinha, para poder registrar seu quarto filho de um total de oito. Três mulheres e cinco homens: Marinete, João Batista, Manoel Carlos, David e Antônio nasceram na singela Santo Eduardo, enquanto Marilene, Mario e Marilza nasceram depois, já quando a família foi morar em Nilópolis, subúrbio do Rio de janeiro.
A infância de David, na pacata Santo Eduardo, era principalmente na roça cortando cana com seus pais e irmãos. Todos viviam numa casa feita de estuque (espécie de argamassa feita com gesso e areia) com dois cômodos de terra batida onde vivia toda a numerosa família. Foi então que, movido pela esperança de melhorar a vida da família, Albano Portes resolve ir para o Rio de janeiro arrumar um emprego como fazem tantas pessoas que vão para as cidades grandes em busca de uma vida melhor. Todavia, depois de três anos esperando a sonhada concretização do plano do pai de David, que era juntar um dinheiro para levar toda a família para morar com ele, sua mãe cansou de esperar. Pegou uma mala de madeira e colocou lá tudo o que dava para colocar nela, pegou os filhos e seguiu em direção ao endereço que constava nas cartas que Albano utilizava para mandar dinheiro para sua família. Era o início de uma nova fase para David e seus familiares.


3 comentários:

Marcelo Macena disse...

Gostei da história e atitudes dele. Eu já tinha visto na tv há algum tempo atrás contando suas histórias. Só não sabia que era de Santo Eduardo.
Parabéns!

Marcelo Macena disse...

Gostei da matéria.
Já tinha visto a história dele na tv há algum tempo atrás, só não sabia que era de Santo Eduardo.
Parabéns!

Igor Alvarenga disse...

Tbm já o vi na TV, mas nem sonhava q se tratasse de um conterrâneo.
Legal saber q nasceu no dia 15/12, pois eu nasci em 16/12.. tomara q traga sorte!