quinta-feira, 5 de julho de 2012

Servidor estadual do Rio: novo sistema pode aumentar Imposto de Renda na fonte


Muitos servidores estaduais estranharam o valor dos salários relativos a junho, pagos esta semana. A quantia estava menor do que o normal. Esse problema aconteceu com 33.758 funcionários que têm mais de um vínculo no estado, como professores com duas matrículas e bombeiros e policiais militares cedidos a órgãos como a Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) e as secretarias de Segurança e de Defesa Civil.
A Secretaria estadual de Planejamento explicou que, com a implantação do Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos (SigRH), novo responsável pela elaboração da folha de pagamento, esses servidores tiveram uma mudança no cálculo do Imposto de Renda Retido na Fonte (IRRF). As parcelas tributáveis dos dois vínculos passaram a ser somadas, o que pode colocar o servidor numa alíquota de tributação maior. Muitos servidores, no entanto, tiveram que conferir o pagamento por meio do extrato do banco, já que está difícil obter o contracheque pela internet. A seção do site da Secretaria de Planejamento na qual o comprovante de pagamento fica disponível passou boa parte do dia de ontem fora do ar.


Djalma Oliveira - Jornal Extra

Nenhum comentário: