domingo, 30 de setembro de 2012

PROCURADOR REGIONAL ELEITORAL, DR. MAURICIO DA ROCHA RIBEIRO: "ROSINHA GAROTINHO PODE FICAR INELEGÍVEL ATÉ 2016"

ttp://cbn.globoradio.globo.com/Player/p... Embora não impeça a prefeita Rosinha Garotinho (PR) de disputar a eleição deste ano, a condenação da última quinta-feira (02) poderá impedir a posse em caso de reeleição. Quem afirma isso é o Procurador Regional Eleitoral, Mauricio da Rocha Ribeiro. Em entrevista a rádio CBN (aqui) ele diz que a Lei da Ficha Limpa define que o crime de abuso de poder político e econômico torna Rosinha Garotinho inelegível pelo prazo de oito anos, ou seja, até 2016. “Essa inelegibilidade só surgiu após a apresentação do pedido de registro da candidatura dela, por esse motivo já passou o prazo para ser impugnado o registro da candidatura dela. O que não significa que, em sendo eleita não se possa entrar com recurso contra a diplomação dela, que fatalmente no meu ver seria aceito”, argumentou o procurador. Ainda segundo o Procurador, a prefeita Rosinha Garotinho também corre o risco de ter a candidatura impugnada por força de outra ação movida por procuradores eleitorais de Campos. Em recente entrevista ao jornal “O Globo”, ele afirmou: “No entender do MP, ela entra em campanha na condição de inelegível. Já foi condenada por um tribunal e entrou com recurso e medida cautelar, que suspenderam os efeitos dessa decisão. Só que, ao serem julgados a medida e o recurso, antes mesmo de eleita ela perde o registro de candidatura. E, se eleita, terá que sair do mandato”.

Faça humor, não faça guerra! Rosinha homenageada por humoristas de Campos

O grupo de stand-up 3 Tristes Tigres e o vídeo clipe Bocada Boa. Mais um vídeo que tem tudo para bombar no You Tube!

UOL repercute caso dos postes da prefeita Rosinha


Matéria extraída do Portal UOL:

"A Promotoria Eleitoral de Campos dos Goytacazes, cidade do norte do Rio de Janeiro, pediu a cassação do registro da prefeita e candidata à reeleição, Rosinha Garotinho (PR) --mulher do ex-governador Anthony Garotinho (PR)--, por ela ter, segundo o MP, pintado na cor rosa sinais de trânsito em diversos pontos do município.
A ação ajuizada pelo Ministério Público inclui ainda o vice-prefeito, Francisco Artur Oliveira. Se a Justiça Eleitoral condenar os réus, a mulher de Garotinho não poderá assumir o mandato, ainda que seja vencedora no dia do pleito.
A pedido do MP, a 99ª Zona Eleitoral solicitou que os semáforos sejam repintados da cor original. Os responsáveis pela campanha da candidata do PR não foram localizados pela reportagem do UOL para comentar o assunto. A candidatura de Rosinha já foi impugnada pela Justiça Eleitoral. Ela recorre.
Na versão da promotoria, a ordem da pintura partiu da Emut (Empresa Municipal de Transportes), que também consta como representada, assim como seu presidente, Álvaro Henrique de Souza Oliveira, irmão do vice-prefeito.
De acordo com a ação, entre os dias 21 e 24 de setembro, elementos de sustentação de diversos semáforos situados nos principais cruzamentos da cidade foram pintados de "cor rosácea (...) semelhante à tonalidade utilizada como símbolo da campanha eleitoral dos dois primeiros representados”. Fotografias foram enviadas ao MP por fiscais da 100ª Zona Eleitoral.
"A similitude das cores, independentemente do nome que se lhes queira dar, salta aos olhos e está a revelar a utilização de bens públicos para a realização de propaganda eleitoral, ainda que disfarçada, dos dois primeiros representados. Até mesmo servidores da EMUT, bem como os seus equipamentos, foram utilizados para a consecução da malfadada pintura", afirma o MP.
O texto da representação destaca que a cor rosa é um dos principais signos da campanha de Rosinha e de seu vice, que concorrem à reeleição pela coligação "Campos de Todos Nós". No texto, a promotoria menciona que a cor está presente em adesivos, placas, microfone, automóvel, roupas, estética do sítio eletrônico, entre outros.
"Tudo é e deve ser rosáceo, ou no mínimo lembrar a referida tonalidade, para a fixação das pretensas candidaturas dos dois primeiros representados no imaginário popular e formar a convicção do eleitorado, como se infere do sítio eletrônico", destaca o MP.
Entre os argumentos defendidos pela promotoria está o fato de a pintura acontecer às vésperas da eleição e da mobilização denominada “Sábado Rosa”, marcada para o dia seguinte ao do início da pintura. Além disso, a Legislação de Trânsito Brasileira prevê que os elementos de sustentação devem ostentar cores neutras e foscas, diferente da opção atual feita pelo Executivo de Campos.
A promotoria ressalta ainda que a utilização de bens públicos para realização de propaganda eleitoral configura abuso de poder político, o que desequilibra a disputa eleitoral.
De acordo com a legislação, é proibido a agentes públicos ceder ou usar, em benefício de candidato, partido político ou coligação, bens móveis ou imóveis pertencentes à administração pública.
Barrada pela Ficha Limpa
No dia 23 de agosto, a candidatura de Rosinha Garotinho foi enquadrada na Lei da Ficha Limpa em função de duas condenações no TRE-RJ (Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro). As sentenças se referem ao mesmo caso: abuso de poder econômico nas eleições de 2008, decorrente do uso indevido de meios de comunicação.
A corte condenou a prefeita de Campos pelo episódio e a declarou inelegível por três anos (começando de 2008). Na condenação mais antiga, deferida em 2010, Rosinha e o marido, o ex-governador Anthony Garotinho, ficaram inelegíveis também por três anos.
A punição incluiu ainda a cassação do mandato referente à Prefeitura de Campos, mas ela conseguiu uma liminar no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) e se manteve na gestão do município. Porém, como ainda não houve julgamento, ainda não há uma decisão em última instância."

Rosinha e Arnaldo indeferidos


Do site do TRE-RJ


Rosinha foge de praça abandonada e anuncia comício para perto do hospital de Santo Eduardo




É melhor não arriscar e se refugiar perto do comitê eleitoral de Santo Eduardo, não é prefeita?

Primeiro, anunciam o comício para uma data anterior e não vem. Até que neste sábado, passa um carro anunciando o comício para a Praça Nilo Peçanha (principal da localidade) e logo em seguida mudam de ideia e resolvem se amparar no núcleo de "apoio" mais escancarado do distrito que é o ex-hospital e agora unidade pré-hospitalar de Santo Eduardo!

Melhor não arriscar, não é mesmo? Afinal, é muito melhor ser abraçada e amparada pelos que foram escolhidos e negociados pelos vereadores para apoiá-la do que correr o risco de ser cobrada em praça pública, pelo restante da população, pelo que não foi feito na localidade durante esses quatro anos.

Parece que já sei o que vai ser falado hoje no comício;

PASSAGEM DE 1 REAL 
REFORMA DA ESCOLA MUNICIPAL 
REFORMA DO PRÉDIO DA CRECHE
CASAS POPULARES PARA SANTO EDUARDO.

MAS ACHO QUE SEI TAMBÉM O QUE VAI SER EVITADO MENCIONAR:

Ponte do Departamento horrorosa e mal feita;
Praça Nilo Peçanha abandonada;
falta de medicamentos básicos para a população;
cooperativa das costureiras que não saiu do papel;
valores absurdos das poucas obras que estão sendo feitas no distrito;
falta da telefonia celular na região;
mudança da Vila Olímpica para Santa Maria depois de ter sido anunciada para Santo Eduardo;
desentendimentos e rixas entre os que representam a figura da prefeita em Santo Eduardo, fato que torna o ambiente péssimo nos núcleos de trabalho da prefeitura no distrito;
a falta de sinalização de trânsito nas ruas, 
buracos nas vias principais;
falta de saneamento básico em vários pontos de Santo Eduardo e favorecimento de uns e outros em detrimento dos interesses reais do povo de nossa região.

Esses e outros assuntos serão evitados. E se forem tocados, será porque alguém irá soprar nos ouvidos dela porque viram aqui no blog primeiro. Podem apostar!

Abaixo, algumas fotos curiosas que mostram questões do governo Rosinha em Santo Eduardo que podem servir para refrescar a memória de todos:
Placa afixada na reforma da creche no governo Mocaiber apontava valor de R$ 192,980,20 e  hoje  valor quase dobrou, passando para R$ 336.772,91.  O que mudou neste governo?

Ponte mal feita e com placa que informava outro serviço: Campos mudou neste governo?
Praça principal de Santo Eduardo: Motivo de revolta dos moradores do distrito e local evitado por Rosinha para  se reunir neste domingo.


Obs.: na praça principal de Santo Eduardo não há uma rosinha sequer. Nenhuma flor, nenhum verde, nenhum brinquedo; só tristeza.






Prefeito é condenado por fraude em licitação de Presidente Kennedy, ES

Reginaldo Quinta perdeu mandato e teve direitos políticos suspensos.
No TRE, registro de candidatura é apto, mas foi apresentada impugnação.




O prefeito cassado de Presidente Kennedy, Litoral Sul do Espírito Santo, Reginaldo Quinta (PTB), foi condenado ao lado de outros cinco réus pelo juiz da comarca do município Ronaldo Domingues de Almeida por fraudes em licitações para a contratação de transporte público no município.
Segundo a Justiça, ele perdeu o mandato e teve os direitos políticos suspensos por oito anos, mas recorre da decisão no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Na página do DivulgaCand, o registro de candidatura à prefeitura aparece apto, mas foi apresentada a impugnação. Não há informação da data do julgamento.
Prisão
Quinta foi preso durante uma operação da Polícia Federal na manhã do dia 19 de abril pela suspeita de desviar cerca de R$ 50 milhões dos cofres públicos. Outras 27 pessoas foram detidas na operação, batizada de "Lee Oswald" (nome do assassino do ex-presidente norte-americano John Kennedy), que cumpriu 79 mandados judiciais, sendo 51 de busca e apreensão, além de 13 mandados de prisão preventiva e 15 de prisão temporária.
No dia 10 de julho, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou a soltura do prefeito afastado. Desde as prisões realizadas pela Polícia Federal, em abril, a cidade já teve dois prefeitos. Em julho, no entanto, um interventor foi nomeado pelo governador Renato Casagrande para assumir a administração do município. De acordo com o interventor Lourival Lima, a liberação do prefeito não altera a situação política local.

sábado, 29 de setembro de 2012

Contratada pelo regime REDA se queixa da falta de pagamento

As queixas são enormes sobre a falta de pagamento de contratados pelo regime REDA.
Abaixo, um desabafo de uma amiga que está passando pelo dilema de não ter dinheiro para honrar seus compromissos. De quem é a culpa desta vez?

Leiam:


Tem certas coisas que é bom aparecer antes das eleições....
mas mesmo assim o povo não vê.....

E continua o triste descaso com os contratados...
Estamos sendo feitos de peteca...
A Imprensa publica uma coisa e a Secretaria de Educação nos diz outra...
Mas sem o salário na conta fica difícil acreditarmos que realmente está tudo NORMAL e que demos ficar cada um em sua e

scola né?

ESTAMOS AGUARDANDO SOLUÇÕES....
ESPERAMOS QUE ENTENDAM QUE SOMOS TRABALHADORES, QUE TEMOS FAMÍLIA E CONTAS PARA PAGAR.. OS ALUNOS E PAIS SERÃO OS MAIORES PREJUDICADOS? 


JÁ QUE ESTAMOS NA RETA FINAL.

SE QUER QUE O POVO ESTEJA COM VOCÊ... ESPERO QUE TAMBÉM ESTEJA COM O POVO!!!!

Católicos agora podem ter em casa quadros com a imagem de Santo Eduardo


Santo Eduardo, o padroeiro do 13º distrito de Campos é pouco conhecido pelo Brasil afora, visto que apenas em São Paulo capital, além daqui, é claro, pelo menos que eu saiba, existe uma igreja erguida em sua homenagem, correto?

Pois bem, com o intuito também de propagar a imagem do santo que é patrono das famílias para os próprios moradores da nossa comunidade e visitantes que aqui comparecem na festa do dia 13 de Outubro, estou oferecendo por um preço simbólico, fotos da imagem do padroeiro impressas em papel couché de ótima qualidade, nos tamanhos 42x30 e 20x30 pelos valores de R$ 7,00 e R$ 3,00 respectivamente.
Quem interessar pode entrar em contato comigo pessoalmente ou através do telefone 2781-1115, aqui pelo Blog ou se preferir pelo Facebook. Informo também, que a partir do dia 6 de Outubro terei em minha loja a imagem do santo já com a moldura.

Clique no link abaixo e leia a história de Eduardo, o Confessor

História de Santo Eduardo

Igreja de Santo Eduardo.

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Publicada lei sobre pena para crimes de milícias e grupos de extermínio


Os crimes relativos a grupos de extermínio, milícias, organizações paramilitares e esquadrões serão punidos com mais rigor, com pena que pode chegar a oito anos de detenção. A lei ampliando a pena foi sancionada pela presidenta Dilma Rousseff e está na edição desta sexta-feira no Diário Oficial da União. O Artigo 2º do texto determina que a pena será aumentada em um terço até a metade, se o crime for praticado por milícia privada, sob "o pretexto de prestação de serviço de segurança ou por grupo de extermínio". A pena mínima é quatro anos e a máxima, oito. Atualmente, a pena é de um a três anos. Pelo Código Penal, a associação de mais de três pessoas para cometer crimes é denominada quadrilha.
O Artigo 288 do texto publicado hoje no Diário Oficial da União detalha em que consiste o crime: "Constituir, organizar, integrar, manter ou custear organização paramilitar, milícia particular, grupo ou esquadrão com a finalidade de praticar qualquer dos crimes (previstos no Código Penal)", diz.
No começo deste mês, o plenário da Câmara aprovou o projeto de lei que tipifica o crime de extermínio e penaliza a constituição de grupo de extermínio, milícia privada ou esquadrão, assim como a oferta ilegal de serviço de segurança pública e de patrimônio, aumentando a pena para homicídio relacionado a esses casos em um terço e até a metade. O projeto passou pelo Senado e foi à sanção presidencial.
A proposta foi elaborada a partir de uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) que investigou as ações de grupos de extermínio e milícias privadas na Região Nordeste do Brasil. A ideia é limitar também a ação dos responsáveis por chacinas, nas quais são mortos civis, autoridades públicas, policiais e dissidentes de quadrilhas, além de testemunhas de crimes.

Programa Makhoul prefeito - Meio Ambiente


Pista de Laço reabre com atrações neste sábado e domingo em Santo Eduardo


quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Em primeira mão: Programa da Festa de Santo Eduardo 2012


Agências bancárias de Campos e região voltam a abrir nesta quinta

Carlos Grevi
Nesta quinta-feira (26/09) todas as agências bancárias de Campos e regiões Norte e Noroeste do Estado vão retornar as atividades. A decisão foi tomada na noite desta quarta-feira (25/09) em assembleia realizada na sede do Sindicato dos Bancários.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Bancários em Campos, Rafaneli Alves, a proposta feita pelos banqueiros foi aceita por unanimidade pela categoria.

“A gente julga positiva essa greve conseguimos reajuste de 7,5% em ganho real, mais 8,5% no piso salarial, 8,5% no auxilio alimentação/refeição e aumento na participação dos lucros”, disse.

A paralisação durou nove dias e, em Campos, 59 agências bancárias ficaram fechadas e 600 funcionários de braços cruzados. Em oito municípios das regiões Norte e Noroeste Fluminense o total de bancários passava de 1.100.

Segundo Rafaneli a proposta não foi aceita por todos os bancários, na capital funcionários da Caixa Economia Federal e do banco do Brasil não vão retornar ao trabalho nesta quinta.

No ano passado, também no mês de setembro, os bancários pararam por 20 dias e tiveram parte das reivindicações atendidas.

Ururau

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

TRE visita Santo Eduardo e recolhe placas irregulares

O TRE esteve em Santo Eduardo nesta tarde de quarta-feira recolhendo placas de candidatos que estavam fixadas em lugares inadequados. Segundo informações, cabos eleitorais, que brigam entre si para ver quem coloca mais placas, muitas vezes à força, denunciaram um ao outro; resultado, todos foram "prejudicados" e até a polícia apareceu para dar apoio à operação.


Polícia Militar acompanhou o carro do TRE nas apreensões.
Veículo do TRE cheio de placas.


Policiais na portaria do Hospital enquanto o TRE procurava alguma  "plaquinha" irregular 

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Coligação de Arnaldo avalia trocar nome para Matoso

Matéria extraída do Blog do Roberto Moraes 

A possibilidade está sendo cogitada, mas, ainda não foi decidida. Os candidatos a vereador defendem decidir já, pela troca do nome de Arnaldo Vianna, pelo de Rogério Matoso, que hoje é o candidato vice-prefeito na chapa. 

A vereadora Ilsan Vianna e o filho Caio defendem que a coligação entre com recurso para manter Arnaldo concorrendo como candidato a prefeito, mais uma vez, sob a forma de liminar, segundo informações obtidas pelo blog. 

A decisão deverá ser tomada, no máximo, até amanhã. De qualquer forma, como a inseminação das urnas já está sendo feita no ginásio do IFF, a coligação concorreria com Rogério Matoso na cabeça de chapa, mas com o número 12 de Arnaldo Vianna. 

Dentro desta possibilidade o nome do vice que deverá ser encaminhado, ainda não é do conhecimento deste blog. A decisão pela manutenção de Arnaldo na cabeça de chapa também, pode ser mantida. A conferir!

Blog do Cláudio Andrade: Rosinha poderá responder por Improbidade Administrativa


Ato de pintar postes de "roxo paixão" pode render mais um processo para a prefeita


A decisão da magistrada da 110ª Zona Eleitoral da Comarca de Campos dos Goytacazes que suspendeu as pinturas nas vias públicas de nossa cidade foi a chancela que faltava para que ficasse comprovado o desrespeito ao Princípio da Impessoalidade. Por mais que os advogados da Prefeita e os seus colaboradores usem em sede de defesa que a cor utilizada pelo Poder Público era “Roxo Paixão”, com a decisão da magistrada, a essência das tintas não mais importa.

A decisão é clara e o Juízo entendeu que houve propaganda subliminar em conformidade com o parágrafo primeiro do artigo 10 da Resolução 23 370/2001 do TSE.

Acredito que após o retorno dos autos, o Ministério Público eleitoral irá pautado na decisão da magistrada Gracia Moreira Rosário requerer aplicação de multa o que é pertinente, haja vista os prejuízos constatados.

Partindo desse contexto, a Prefeita de Campos dos Goytacazes e candidata a reeleição pelo PR (Partido da República) poderá ser ré em uma Ação de Improbidade Administrativa proposta pelo Ministério Público Estadual, mais precisamente pelo Núcleo de Tutela Coletiva.

Para que isso ocorra, basta que o MP eleitoral remeta para o âmbito do Núcleo de Tutela os procedimentos adotados no âmbito eleitoral. Caso, por alguma questão os promotores da coletiva entendam que o caso não é de propositura de ação e sim de arquivamento do procedimento, qualquer cidadão poderá requerer ao Procurador Geral de Justiça a designação de um membro do Ministério Público exclusivo para que a demanda seja proposta.

Vale aguardar, pois as informações recebidas pelo blog vão nessa direção.

Leiam abaixo a transcrição parcial do Artigo 73 da Lei 9504/97 que pode ser utilizado contra a Prefeita Rosinha Garotinho


Art. 73. São proibidas aos agentes públicos, servidores ou não, as seguintes condutas tendentes a afetar a igualdade de oportunidades entre candidatos nos pleitos eleitorais:
I – ceder ou usar, em benefício de candidato, partido político ou coligação, bens móveis ou imóveis pertencentes à administração direta ou indireta da União, dos Estados, do Distrito Federal, dos Territórios e dos Municípios, ressalvada a realização de Convenção partidária;
II – usar materiais ou serviços, custeados pelos Governos ou Casas Legislativas, que excedam as prerrogativas consignadas nos regimentos e normas dos órgãos que integram;
III – ceder servidor público ou empregado da administração direta ou indireta federal, estadual ou municipal do Poder Executivo, ou usar de seus serviços, para comitês de campanha eleitoral de candidato, partido político ou coligação, durante o horário de expediente normal, salvo se o servidor ou empregado estiver licenciado;
IV – fazer ou permitir uso promocional em favor de candidato, partido político ou coligação, de distribuição gratuita de bens e serviços de caráter social custeados ou subvencionados pelo Poder Público;
V – nomear, contratar ou de qualquer forma admitir, demitir sem justa causa, suprimir ou readaptar vantagens ou por outros meios dificultar ou impedir o exercício funcional e, ainda, ex officio, remover, transferir ou exonerar servidor público, na circunscrição do pleito, nos três meses que o antecedem e até a posse dos eleitos, sob pena de nulidade de pleno direito, ressalvados:
§ 7o As condutas enumeradas no caput caracterizam, ainda, atos de improbidade administrativa, a que se refere o art. 11, inciso I, da Lei no 8.429, de 2 de junho de 1992, e sujeitam-se às disposições daquele diploma legal, em especial às cominações do art. 12, inciso III.
§ 8o Aplicam-se as sanções do § 4o aos agentes públicos responsáveis pelas condutas vedadas e aos partidos, coligações e candidatos que delas se beneficiarem.
§ 9o Na distribuição dos recursos do Fundo Partidário (Lei no 9.096, de 19 de setembro de 1995) oriundos da aplicação do disposto no § 4o, deverão ser excluídos os partidos beneficiados pelos atos que originaram as multas.

Justiça Eleitoral notifica prefeitura e faz Rosinha mudar cor dos postes




A Justiça Eleitoral notificou a Prefeitura de Campos nesta segunda-feira (24/09) para que suspenda a pintura na cor roxo paixão nos semáforos da cidade. A determinação da  juíza da 100ª Zona Eleitoral, Gracia Cristina Moreira do Rosário, é também no sentido de que num prazo de 48 horas a cor seja substituída nos semáforos já pintados.

A juíza diz em seu despacho que “a cor rosácea denota ilegalidade na conduta, por remeter ao eleitorado, em pleno momento de campanha eleitoral, à cor notória e pública usada à reeleição por Rosinha Garotinho”.

Prefeita já havia decidido
O advogado da Prefeita e candidata a reeleição Rosinha Garotinho(PR), Francisco de Assis Pessanha(foto acima), divugou  uma nota em seu blog pessoal sobre a decisão que já havia sido tomada antes da decisão judicial.
Diz a nota: ,
“…A prefeita Rosinha Garotinho determinou à Empresa Municipal de Transportes (EMUT) que suspenda a pintura dos semáforos com a cor roxo paixão. Tal medida se deu em virtude da politização a respeito do tema.

A decisão foi tomada também por precaução e para não alimentar qualquer tipo de discussão eleitoreira. Contudo, a sinalização está dentro da legislação pertinente.


Abusou, levou!

sábado, 22 de setembro de 2012

Campos virou a República Penélope Charmosa?

O que é isso? Será que a foto é verdadeira?
Bom, está rolando no Facebook de alguns amigos esta fotografia da Beira-Valão com alguns postes pintados de rosa ou lilás, sei lá!

Isso não configura abuso de poder?

Campanha política disfarçada?

Mau gosto?

Ou será que Campos virou mesmo a República Penélope Charmosa?

 

Exército dá provas de eficiência e honestidade

Recebi esta matéria por e-mail e a achei muito interessante, que serve muito para a nossa realidade campista. Vejam:


Meu pai era oficial do exército e vivia questionando por que as estradas federais era (e são) um caco e a equipe de engenharia do exército estava ociosa? 

E ainda mais : as  (poucas) estradas que o exército constrói tem uma durabilidade muito maior quer as construídas pelas empreiteiras. Por que será?


PARABÉNS     Exército  Brasileiro.
 
 

 
 
PORQUÊ, SE A MODA PEGA, ADEUS PROPINA, ADEUS CORRUPÇÃO E AÍ, DO QUE VÃO VIVER NOSSOS POLÍTICOS E PARTIDOS? DE SEUS "MINGUADOS" SALÁRIOS?

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Itaperuna promove neste Domingo 5ª Parada LGBT

Acontece nesta tarde de domingo (23), pelo quinto ano consecutivo, a Parada Gay de Itaperuna, com direito a muitas atrações. A festa contará com Djs para animar a galera e, é claro, estarão presentes também  autoridades para defender e expor para todos os avanços conquistados no âmbito jurídico pelos homossexuais do país nestes últimos anos.
O evento está marcado para começar as 2 da tarde, com saída prevista em frente ao Poliesportivo, que fica na saída para Muriaé.


quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Programa Makhoul prefeito - Segurança


Rosinha veta aumento de 78% aprovado pelos vereadores e exige os 5,1% dos servidores


Aprovado pela unanimidade dos 13 vereadores presentes à sessão do último dia 28, na qual a Câmara aprovou o reajuste salarial máximo para os próximos prefeito, vice e 25 edis, o projeto de lei 8.134, relativo ao reajuste do próximo Executivo (de 78%), foi vetado pela prefeita Rosinha Garotinho (PR) desde a última terça, (dia 18), um dia antes do prazo, sendo publicado ontem no Diário Oficial (DO). Para tanto, Rosinha disse ter agido em atendimento ao Princípio Constitucional da Moralidade Administrativa (art. 37, caput, da Constituição Federal), além de pedir aos veradores (que aprovaram para si mesmos um aumento salarial de 61,8%, caso se reelejam) que aprovem o reajuste dos novos prefeito e vice no mesmo percentual que ela propôs e fez aprovar aos servidores públicos municipais: 5,1%.
Por mais que seus detratores possam alegar ter se tratado de uma medida demagógica ou populista, até porque a prefeita poderia ter fazido valer a maiora da sua bancada na sessão que aprovou unanimente os aumentos, a verdade é que Rosinha marcou um importante ponto com a opinião pública, sobretudo nesta reta final eleitoral, já que todos os princípios de moralidade e equidade apontavam à necessidade de paridade do reajuste para todos que compõem o serviço público do município de Campos, tenham nele ingressado por eleição ou concurso público. Este, aliás, foi o argumento usado pela grande maioria dos, até o momento, 2.685 cidadãos que subescreveram aqui o abaixo assinado virtual contra o aumento salarial máximo dos vereadores.
Mas se o veto de Rosinha aos salários dos próximos prefeito e vice tem inegável simpatia popular, a partir dele ficam mal diante da opinião pública não só os 11 vereadores governistas presentes na sessão do dia 28 (à exceção dos faltosos Papinha, do PP, e Vieira Reis, do PRB), como os dois edis de oposição que lá também estiveram para conferir caráter de unanimidade à aprovação dos aumentos máximos aos próximos Executivo e Legislativo de Campos: Nelson Nahim (PPL) e Odisséia Carvalho (PT).
Abaixo, o veto de Rosinha publicado ontem no DO…

Opiniões

Mais da metade dos brasileiros estão na classe média, aponta estudo


Nos últimos dez anos, 35 milhões de pessoas foram incluídos aumentaram a renda


Carlos Alberto Silva - GZ
O crescimento da renda da classe média tem sido maior do que o do restante da população 

Atualmente mais da metade da população brasileira (53%) fazem parte da classe média, o que significa um total de 104 milhões de brasileiros. Nos últimos dez anos, foram 35 milhões os brasileiros incluídos na classe média. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (20) pela Secretaria de Assuntos Estratégicos (SAE) da Presidência da República no estudo Vozes da Classe Média.

A pesquisa classifica como classe média os que vivem em famílias com renda per capita mensal entre R$ 291 e R$ 1.019 e tem baixa probabilidade de passar a ser pobre no futuro próximo.

De acordo com o estudo, a expansão desse segmento resultou de um processo de crescimento do país combinado com redução na desigualdade. A estimativa é que, mantidas a taxa de crescimento e a tendência de queda nas desigualdades dos últimos dez anos, a classe média chegue a 57% da população brasileira em 2022.

Os dados indicam que a redução da classe baixa foi mais intensa do que a expansão da classe alta. De 2002 a 2012 ascenderam da classe baixa para a média, 21% da população brasileira, enquanto da classe média para a alta ascenderam 6%.

O ministro da SAE, Moreira Franco, destacou o importância do crescimento da classe média para movimentar e impulsionar a economia do país, pois essa fatia da população responde por 38% da renda e do consumo das famílias. “Em torno de 18 milhões de empregos foram criados na última década, esses empregos formais foram associados a uma política adequada de salário mínimo que deu ganhos reais acima da inflação aos brasileiros”, disse Franco.

O crescimento da renda da classe média tem sido maior do que o do restante da população, de acordo com os dados apresentados no estudo. Enquanto na última década a renda média desse segmento cresceu 3,5% ao ano, a renda média das famílias brasileiras cresceu, no mesmo período, 2,4% ao ano.

“A classe média brasileira vai movimentar em 2012 cerca de R$ 1 trilhão”, estimou Renato Meirelles, do instituto de pesquisa Data Popular, que participou da elaboração do estudo.

O estudo usa como base dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e do Instituto Data Popular.
Fonte: Agência Brasil

Festa de Espírito Santinho: de sexta a domingo com várias atrações

21/09 - Sexta-Feira


22:00 h. Abertura das Barracas com o Grupo SAMBA LÁ DE CÁ

22/09 - Sábado



15:00h Futebol de Veteranos
 22:00h Show com 

ALÉCIO FAGUNDES e BANDA
 00:00h Show com JÚLIO E MAYCON
 02:00h Show com GRUPO FORÇA MAIOR


23/09 - Domingo

14:00h Gincana para as crianças
16:00h  Show de Calouros
18:00h Show com ADILSON E PAULINHO
22:00h Show com a Banda PRAKATUM 

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

MOVIMENTO CAMPOS FICHA LIMPA: NOSSO VOTO MERECE SER VÁLIDO


Para Campos deixar de ser uma cidade de política suja algo tem que acontecer o mais breve possível e você é parte decisiva neste contexto.


Acesse o link e participe: http://www.avaaz.org/po/petition/MOVIMENTO_CAMPOS_FICHA_LIMPA_NOSSO_VOTO_MERECE_SER_VALIDO/?ccFrxdb

DENÚNCIA: INSTITUTO PRECISÃO SE FAZENDO PASSAR PELO IBOPE NA CIDADE


Recebi o texto abaixo do senhor Roberto Manhães e repasso na íntegra para a apreciação do fato a todos:

Hoje no, IPS, pesquisadores abordaram uma pessoa, de minha inteira confiança, dizendo que eram do IBOPE.

Perguntas:


1. O que você achou do Governo Rosinha Garotinho?


2. Em quem você vota para Prefeito?


3. Em quem você vota para vereador?


AO FINAL DA ENTREVISTA ENTREGARAM UM CARTÃO DO INSTITUTO PRECISÃO!!! O LEITOR ENTROU EM CONTATO COM ESTA BLOGUEIRA QUERENDO SABER SE O INSTITUTO PRECISÃO ERA DE GAROTINHO E, RELATANDO O OCORRIDO.


Esta blogueira se coloca desde já a disposição da Fiscalização Eleitoral para eventuais esclarecimentos que se fizerem necessários.


Nota do Blog:


O leitor ficou de me enviar a cópia escaneada do cartão que deixaram em poder dele. http://pensamentossubjetivos.blogspot.com.br/2012/09/denuncia-instituto-precisao-se-fazendo.htm


DO BLOGUEIRO:


Se vocês observarem a metodologia disponível do instituto em questão - qualquer cidadão pode ter acesso na justiça eleitoral - verificarão que o IBOPE INTELIGÊNCIA - sede em São Paulo -, orienta seus pesquisadores em Campos dos Goytacazes a se identificarem com o nome da empresa-parceira deles no nosso município.


Uma pergunta que não quer calar: QUEM SERÁ A EMPRESA-PARCEIRA DO IBOPE INTELIGÊNCIA NO NOSSO MUNICÍPIO?


Confesso a vocês que liguei para o 0800 5000 do IBOPE INTELIGÊNCIA - também disponível na metodologia registrada na justiça eleitoral - a fim de me informar melhor sobre o assunto, porém..., a atendente disse que não estava autorizada para falar sobre a minha curiosidade em questão.


Antes que os 22 nos comentários anônimos me crucifiquem, devo dizer que tenho consciência de que Rosinha Garotinho está na frente, mas tenho convicção também de que estão dando uma inflada nela, e reduzindo o percentual dos adversários, dentro da margem de erro, estrategicamente visando impressionar o eleitorado que não está com o voto consolidado e/ou indeciso.

http://www.estouprocurandooquefazer.com/2012/09/quem-sera-o-parceiro-do-ibope.html

terça-feira, 18 de setembro de 2012

Ibope: Rosinha (62%), Arnaldo (11%) e Makhoul (11%)

Com informações do Blog do Bastos

O RJ Inter TV 2ª Edição divulgou agora mais uma pesquisa Ibope sobre a disputa pela Prefeitura de Campos. A prefeita Rosinha Garotinho (PR) lidera com 62%, seguida por Arnaldo Vianna (PDT), 11%, Makhoul Moussallem (PT), 11%, José Geraldo (PRP), 1% e Erik Schunk (PSOL), 1%. Brancos e nulos somam 6%. Não sabem/não respondeu: 8%.
A pesquisa foi realizada entre os dias 15 e 17 de setembro. Foram entrevistadas 602 pessoas na cidade de Campos. A margem de erro é de 4 pontos percentuais, para mais ou para menos.
A pesquisa foi contratada pela Inter TV Planície e registrada sob o nº RJ-00097/2012.
Em relação à pesquisa anterior, Rosinha passou de 63% para 62%, Arnaldo Vianna foi de 13% para 11% e Makhoul, de 9% para 11%.
Veja os números do Ibope para a pesquisa estimulada:
Rosinha Garotinho (PR) – 62%
Arnaldo Vianna (PDT) – 11%
Makhoul (PT) – 11%
Erik Schunk (PSOL) – 1%
Jose Geraldo, Zé Geraldo (PRP) – 1%
Branco ou nulo – 6%
Não sabe ou não respondeu – 8%
Pesquisa anterior — A primeira pesquisa do Ibope foi divulgada em 31 de agosto e registrou os seguintes resultados: Rosinha Garotinho (63%); Arnaldo Vianna (13%); Makhoul (9%); e José Geraldo, Zé Geraldo (1%). Erik Schunk não foi citado pelos entrevistados.
Rejeição — Entre os candidatos mencionados pelos eleitores como aqueles em quem não votariam de jeito nenhum, Arnaldo Vianna apresenta o maior índice de rejeição: 29%. Makhoul aparece com 19%. José Geraldo tem índice de rejeição de 16%, Rosinha Garotinho, 15%, e Erik Schunk, 14%.
Os eleitores que declaram que poderiam votar em todos os candidatos representam 14% do eleitorado. Outros 24% não sabem ou preferem não responder a respeito.

Decisões do TRE-RJ sobre candidaturas de prefeito

 Do Blog do Roberto Moraes

O TRE-RJ indeferiu, por maioria, a candidatura de Alair Correa (PP) à Prefeitura de Cabo Frio por entender que o candidato não atendeu a todas as exigências para a concessão do registro.
O Tribunal também decidiu, com base na Lei da Ficha Limpa, manter o indeferimento dos registros dos candidatos a prefeito Mario Tricano de Teresópolis e Carlos Rogério de Queimados. Em todos os casos, cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Na mesma sessão, o Colegiado do TRE-RJ deferiu os registros de candidatura a prefeito de Felix Lengruber de Macuco, Gilson Siqueira de Cardoso Moreira e de Eliton Correa de Paracambi.

Voto válido é voto limpo!


Vereadores sumidos, que tentam se reeleger, aparecem em Santo Eduardo

A história se repete mais uma vez. Vereadores eleitos, que tentam se reeleger, que nunca nos visitam, que não nos atendem em reivindicações normais e diárias do nosso cotidiano aparecem em Santo Eduardo e em toda região para iludir algumas pessoas, colocando sempre os mais necessitados para distribuir santinhos e distribuir suas placas a troco sabe Deus de quê?
Inclusive, já ouvi relatos de algumas pessoas que estão visitando o Hospital de Santo Eduardo para procurar atendimento que há assédios ou "pedidos" para que essas pessoas "deem um votinho" para um certo vereador que tenta se reeleger também neste ano.

É essa a realidade do interior senhores!!! O que vemos são os mais pobres e menos esclarecidos sendo explorados por vereadores que usam até o nome de Deus para sensibilizar os cidadãos, mas que durante este mandato aprovaram as contas do Alexandre Mocaiber, que foram reprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado por desvio de verbas, por superfaturamento, ou seja, para atender interesses políticos e não dos cidadãos honestos deste município.

Atenção, vocês que irão votar num desses: não reclame depois se nossa região continuar abandonada e desprezada pelas autoridades!

Quem faz o político é o povo!!!

Acorda minha gente!!!

Bancários de todo o país entram em greve; em 2011, paralisação durou 21 dias


A partir desta terça-feira (18), bancários de todo o país entram em greve por tempo indeterminado. A paralisação inclui tanto bancos públicos quanto privados, segundo informou Juvandia Moreira, presidente do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região. No ano passado, a categoria ficou em greve por 21 dias.

A paralisação foi aprovada nas assembleias realizadas na última quarta-feira (12) pelos mais de 130 sindicatos representados pelo Comando Nacional dos Bancários, coordenado pela Contraf-CUT (Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro).

Clientes de bancos que forem a uma agência bancária poderão encontrar funcionando apenas os caixas eletrônicos. Porém, o sindicato afirma que, em geral, no primeiro dia de greve, a adesão dos trabalhadores pode não ser muito grande.

"A greve começa nesta terça nos principais corredores [locais com grande concentração de bancos, tais como o centro de São Paulo e a avenida Paulista] e depois vai atingindo e ampliando para um maior número de agências e também pegando as concentrações bancárias", disse Juvandia, em entrevista coletiva em São Paulo. "Os caixas eletrônicos vão funcionar. O cliente que for à agência vai ter o caixa eletrônico disponível. Mas não vai ter atendimento ao público".

Reivindicações
Os bancários reivindicam reajuste salarial de 10,25%, com 5% de aumento real, além de plano de cargos, carreira e salários, maior participação nos lucros e resultados (PLR) e mais segurança nas agências. A proposta oferecida pela Fenaban foi 6% de reajuste salarial (0,58% de aumento real).

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) não se pronunciou sobre a greve, mas alertou a população de que muitas das operações bancárias poderão ser realizadas por meio dos caixas eletrônicos, internet banking, telefone e correspondentes bancários, tais como casas lotéricas, agências dos Correios e outros estabelecimentos credenciados.

Há quase 500 mil bancários em todo o Brasil, sendo 138 mil na base do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região. A expectativa do sindicato é que a greve desse ano possa mobilizar mais do que os 42 mil bancários que entraram em greve no ano passado em São Paulo e na região metropolitana.

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Programa Makhoul prefeito - Habitação


Disco voador em Campos?

O jornal online Terceira Via teve acesso a fotos e a um vídeo do que supostamente seria um objeto voador não identificado, flagrado por moradores do Parque Aurora, em Campos, na noite de ontem (domingo, 16). Confira o vídeo disponibilizado pelo veículo:

 Blog Urgente!

Vereadores aprovam aumento de 50% nos salários em Bom Jesus




Os vereadores de Bom Jesus do Itabapoana aprovaram um aumento de 50% nos salários para o próximo ano. Além deles, o prefeito, o vice e os secretários municipais também podem receber mais.

Quem for eleito para ocupar uma das 13 vagas na Câmara de Vereadores de Bom Jesus vai ganhar R$ 7.014 por mês no ano que vem, ou seja,  51% a mais do que o salário atual de um vereador, que é de R$ 4.644. O projeto de reajuste já foi aprovado pelos parlamentares.  A remuneração do vereador segue uma escala que vai de 20% até 75% do salário de um deputado estadual, hoje de R$ 20.042 no Estado do Rio. A variação depende do tamanho da população da cidade. Em Bom Jesus, com pouco mais de 35 mil habitantes, o limite é de 30% do que recebe um deputado. Ou seja, o reajuste é o teto máximo exigido por lei.

O aumento da remuneração dos representantes do executivo também foi aprovado. O salário do prefeito, que é de R$ 13.087, passa para R$ 15.417, o do vice prefeito vai de R$ 5.816,44, para R$ 6.852. Os vencimentos dos secretários saltam dos atuais R$ 4.304,59, para R$ 6.222.

O novo salário dos vereadores precisa ser publicado no Diário Oficial. Já o do prefeito, vice e secretários devem ser sancionados pelo chefe do executivo. Em caso de veto, o projeto retorna para a Câmara e a decisão caberá aos vereadores.

G1

sábado, 15 de setembro de 2012

TRE-RJ determina retirada de propaganda eleitoral móvel em via pública

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) determinou que as companhias de limpeza urbana dos 92 municípios fluminenses retirassem toda a propaganda eleitoral móvel deixada na via pública após as 22h, desta sexta-feira (14/09). A determinação foi aprovada por unanimidade e repassada aos juízes eleitorais responsáveis pela fiscalização da propaganda eleitoral em todo o estado.

Segundo o juiz responsável pela fiscalização de propaganda eleitoral do TRE-RJ, Luiz Fernando Pinto, a empresa responsável pela remoção na capital fluminense é a Companhia Municipal de Limpeza Urbana (Comlurb). A decisão foi tomada na sessão plenária do dia (13/09) do tribunal.

“Mandei um ofício ontem para a companhia de limpeza, que já retirou muito material das 22h30 até quase 5h da manhã. No oficio, orientei ao cumprimento da decisão do TRE determinando que a Comlurb retirasse, a partir desta data e até o término das eleições, toda a propaganda eleitoral contrária aos parágrafos 6º e 7º do Artigo 37 da Lei 9.504”, acrescentou o magistrado.

O Parágrafo 6º dispõe que é permitida a colocação de cavaletes, cartazes, bonecos, bandeiras e mesas para distribuição de material de campanha ao longo das vias públicas, contanto que sejam móveis e que não dificultem o bom andamento e o trânsito de pessoas e veículos. Já o Parágrafo 7º informa que a mobilidade é caracterizada pela colocação e retirada dos meios de propaganda entre as 6h e as 22h.

O juiz disse que a medida se mostrou necessária para o período noturno, considerado o momento mais crítico para a fiscalização. “Eles (os materiais de campanha) já ficam na rua o dia inteiro. Essa medida foi para cobrir esse outro lado da fiscalização”, acrescentou.  

Na sessão plenária, o presidente do TRE-RJ, desembargador Luiz Zveiter, recomendou aos magistrados que aumentem o rigor na fiscalização da propaganda eleitoral. O objetivo da solicitação, segundo explicou, é coibir a massificação da propaganda por cavaletes e placas, detectada neste mês, com a proximidade das eleições. “A Justiça Eleitoral não vai ficar inerte a qualquer tipo de afronta dos candidatos”, alertou


Ururau.

Campos entre as 10 cidades mais difíceis para um vereador ser eleito em 2012


Um levantamento da Confederação Nacional dos Municípios (CNM)mostra que, as cidades abaixo, são as mais disputadas para um vereador conseguir ser eleito. Confira as dez mais:
.
  1. Guarulhos (SP): 33 candidatos por vaga
  2. Rio de Janeiro (RJ): 32
  3. Nova Iguaçu (RJ): 31
  4. Belo Horizonte (MG): 29
  5. São Gonçalo (RJ): 29
  6. Salvador (BA): 28
  7. Belford Roxo (RJ): 27
  8. Maceió (AL): 27
  9. Duque de Caxias (RJ): 26
  10. Campos dos Goytacazes (RJ): 26
Fonte: Confederação Nacional dos Municípios