quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Jovens de Santo Eduardo sem área de lazer dão dica para prefeitura

Interessante como os jovens sempre dão um jeito de praticar esportes, não é verdade? Considerando a tamanha dificuldade de se conseguir um lugar para isto em Santo Eduardo, adolescentes pediram permissão ao dono de um terreno que fica em plena Praça Nilo Peçanha, de cara para o "gol", e foram à luta para jogar uma bolinha.


Atenção governantes: o povo de Santo Eduardo está carente de tudo e também de áreas de lazer e este terreno poderia servir para a prefeitura construir ali um amplo espaço para a prática de diversas modalidades esportivas.
Quer vitrine melhor que essa para fazer uma propaganda política em Santo Eduardo? 

Observe o outdoor! Até as lojas sabem disso, menos vocês!
Falta sensibilidade ou interesse?

Jovens jogam uma "peladinha" em terreno que fica em frente à Praça principal de Santo Eduardo. Dica para a prefeitura. 

18 comentários:

Mayko Juliao disse...

Lenilson,

A resposta que será recebida por vcs caso sejam feitas reinvidicações será certamente: a vila olimpica ja começou a ser realizada.

Pra quem nao sabe, minha opiniao sobre a vila olimpica é que a mesma cairá em desuso. A mesma terá a msm importancia como alguns estadios para as copas (ESPERO ESTAR ERRADO). No dia da inauguração haverão lá +- 200 filhos de funcionarios da prefeitura e depois...quem quiser pegue um onibus, ou percorra a pé pela br 101, e pros mais esperto..basta pegar uma bike - Muitas mães não deixarão seus filhos irem de qualquer forma pra lá, tendo em vista a periculosidade que a beira de uma rodovia tem (vide lembrar o acidente que tirou a vida de uma senhora de Sta Maria, que nao me recordo seu nome a uns 4 anos, a mesma erá irmã de Marcia Leal).

Eu por 2 anos e meio convive e me relacionei com a Fundação Municipal de Esportes de Campos, em serviço para o Campos Rugby Clube, e digo que...se aqui era dificil conseguirmos as coisas (íamos la quase tds os dias), imagina-se ir uma veza por mes la! Nos só conseguiamos algo, quando estávamos aparecendo na mídia (televisão e jornal).
R$ 2.8 MI gastos na vila olimpica, e até hj nao vi serventia nela para ONDE ESTA SENDO CONSTRUÍDA. Mas...há quem esta se beneficiando com ela. Enquanto o interesse deveria ser coletivo e nao individual.

P.S.: como semrpe sou criticado aqui, espero que leiam até o ponto final.

Blog do L. Werneck disse...

Mayko, a Vila Olímpica poderá servir para alguma coisa, mas praticamente para alguns moradores de Santa Maria porque a mesma está sendo construída num lugar de péssimo acesso.

Anônimo disse...

A respeito da Vila Olimpica, pode melhorar se for confirmado o projeto de retirada das casas que estão à margem da RJ-230. Está prevista nessa nova etapa do Morar Feliz.

Anônimo disse...

só uma correção a rodovia é rj-230 e não br-101

Anônimo disse...

Pura besteira! Até quando o povo de Santo Eduardo e Santa Maria, vão ficar nesta briga de lavadeiras.
Parem com isso! Busquem uma união e vão conquistar muito mais para ambas.
O que tem de mais, a tal Vila Olímpica ficar entre as duas localidades?
O que na realidade, alguns dos comentáristas deste texto é que eles querem a Vila só no distritos deles. Assim, poderá dizer: A vila esta em Santo Eduardo, ou em Santa Maria... e não no distrito de vocês.
Parem com isso! E busquem a amizade da população das duas localidades. Pensem nisso!
Lenilso, Márcia, busquem integrar forças na região e não só para o distrito de Santo Eduardo.
Deixem de ser egoístas.

Kamila Ferreira disse...

Concordo com o Léo, pra ir para a Vila Olímpica so de ônibus ou de bicicleta e muitos pais não deixaram seus filhos irem para lá sozinhos.
Santo Eduardo precisa de uma área de lazer tanto para o esporte quanto para a cultura.
Fico triste de ver as crianças e os jovens de Santo Eduardo se envolvendo cada vez mais com coisas erradas, quando vejo na televisão reportagens falando de projetos culturais que salvou e tirou muitos crianças e jovens da vida errada, devo confessar que fico com inveja, fico feliz pelo lugar ter conquistado isso e triste pela minha comunidade esta cade vez mais se afundando na criminalidade por falta de incentivo.

Blog do L. Werneck disse...

Tem alguém brigando aqui?
Apenas citei que a Vila está num péssimo lugar na minha opinião. Tenho certeza que muitos de Santa Maria também não gostaram da localização da mesma. Vocês que pensam que todos aqui são imbecis e ficam brigando por migalhas. O erro foi anunciar a mesma para Santo Eduardo e depois, para agradar também Santa Maria ter levado a mesma para o meio da estrada.
Outra coisa: a postagem fala de outro suposto projeto e esta vila não tem nada a ver com o assunto.

Anônimo disse...

Lenilson, não estou brigando ou defendendo um projeto ou outro. Acho o projeto de criar uma praça esportiva em Santo Eduardo válida.
Só quis dizer, que o povo de Santa Maria e de Santo Eduardo, devem ser mais unidos para conseguirem outros projetos.
Que tal buscarem pedir ao governo de Campos, uma "Ciclovia, ligando os dois distritos?
Assim, será mais fácil se deslocarem tanto de um, quanto o outro discrito para a Vila olímpica.
Paz e união entre os distritos de Santa Maria e Santo Eduardo.

Blog do L. Werneck disse...

Eu sou um dos que nunca prego desunião entre os dois distritos, muito pelo contrário! Sou evoluído o bastante para achar que isso não tem absolutamente nada a ver, pois os dois distritos vão muito mal das pernas.
Citei o fato político que no caso tem a ver com os dois distritos e isso sim é uma coisa lamentável pois sei que esses vereadores eleitos não estão nem aí pra nós, pois a maioria só nos usa como curral eleitoral.

Mayko Juliao disse...

Anonimo, isso mesmo RJ-230, obrigado pela correção. Mas..."se" ela for aprovada? Já esta em execução.
Lenilson, nem par ao publico de Sta Maria ela terá a funcionalidade que se esperava. Na teoria ela é perfeita, mas na pratica...nao terá eficácia.
E a verba é federal, o municipio apenas recebeu o projeto.

Mayko Juliao disse...

Ao anonimo que lei ate a primeira virgula, até Vosso comentário nao vi briga alguma entre os distritos vizinhos.

Mayko Juliao disse...

A vila esta apenas beneficiando uma pessoa, ou melhor uma familia. Desde o projeto, doação de terreno e pela execução!

Anônimo disse...

Como proposta a ser avaliada pela comunidade de Santo Eduardo, sugiro a transformação da estação ferroviária, ou parte dela, pois ainda que esporadicamente, passa algum trem de carga, em um centro comunitário, ou casa de cultura, etc. Fiquei triste outro dia observando que o telhado da mesma está caindo. Um espaço imenso e tão bem localizado, sendo corroído pelo tempo e pela falta de interesse do governo em não fazer nada para reutilizá-lo melhor! Vejo, também, pessoas aposentadas, sem objetivo, desanimadas, esperando apenas o tempo passar (não estou eximindo dos trabalhos de casa), mas como são pessoas inteligentes, dotadas de dons artísticos, que deveriam ser aproveitadas para dar sentido a própria vida, como também, a dos jovens, senhoras, crianças e quem mais vier...
O terreno do Jorge Rocha, em frente a praça, poderia virar um pequeno parque, bem arborizado, com brinquedos, banquinhos... não é impossível, basta reivindicação da população e vontade política da prefeita!
Sonho que se sonha só, é apenas um sonho.
Sonho que sonhamos juntos, pode se tornar uma realidade"!
Quanto a Vila Olímpica... tentar viabilizá-la agora é o que nos resta... se a prefeita usasse o mecanismo do Orçamento Participativo, com certeza a população iria apresentar e defender suas prioridades. É uma forma de participação que satisfaz e responsabiliza cada pessoa pelos bens, programas e projetos públicos desenvolvidos.
Vamos embarcar no sonho???

Thiago disse...

Eu realmente não entendo.
Primeiro: Os que reclamam da localização da Vila, deveriam saber que o terreno teria que ser DOADO e comportar a estrutura da VILA.Então, fica a pergunta:
Os que reclamam estiveram presentes no prcesso?Sabe que quase perdemos a VILA?
Sabe quantas pessoas se deslocaram para Campos dia após dia para trazer a VILA,eu até entendo se alguém de Santo Eduardo reclamar que não pode vir a pé, mais com ônibus toda hora a 1 Real parando na porta da VILA, é brincadeira.

Depois que ela estiver pronta, conheço a estrutura de uma VILA aqui de Campos, duvido que algum jovem vai deixar de jogar uma pelada ou dar uma nadada na VILA.
Para jogar em qualquer um desses campinhos que mais parecem vagem.

Qual o pai hoje não tem um carro ou uma moto que possa levar seus filhos e os dos outros, ou uma van, o mal é que o povo acha que tudo tem de ser construído no centro, mas na hora de meter a mão no bolso ou o pé na estrada, só vão se for para festa própria ou carnaval...E depois citam pão e circo......

Mayko Juliao disse...

O ultimo post do aninimo ae mandou ver!
A estação "se" reformada, poderia ali num msm espaço ter algo relacionado a cultura e quem sabe um salaão de jogos (mesas de dama, xadraz, ping pong, e etc)

Blog do L. Werneck disse...

Thiago, os cidadãos de verdade são aqueles que discutem as possibilidades com propriedade e sabedoria.
Vou repetir: a postagem foi sobre o terreno que fica ao lado da praça de Santo Eduardo. Este é o assunto.
Uma coisa é a adequação do próprio para uma possível área de lazer visto que ali não há nem praça direito, entende? O povo de Santo Eduardo está incomodado com aquele terreno e sente que a prefeitura poderia fazer ali alguma benfeitoria para nós, mas prefere fazer outras obras.
Quanto à vila, você acha muito fácil pegar um ônibus de 1 real pra ir no futuro espaço, tudo bem, mas todos nós sabemos que aquele lugar não está bom, só não enxerga quem não quer ver e um desses com certeza, sabe-se lá por qual motivo, é você.
Praça é um lugar aberto, livre, para reunir as famílias em comunhão, vila olímpica é outra coisa, bastante diferente.

Washington Campos - (22) 9996-7574 disse...

Prezado Lenilson e amigos de Santo Eduardo. Estamos colocando o Gabinete da Vereadora Auxiliadora Freitas, a disposição de todas as reivindicações da localidade de Santo Eduardo. Para tanto, já estamos entrando com uma solicitação para a construção de uma área de lazer, no local mencionado, bem como a reforma da Praça Nilo Peçanha. Apesar da construção ser um processo mais burocrático, pois dependerá de desapropriação, não mediremos esforços em viabilizar tal projeto. Aproveitando a oportunidade, gostaríamos de estar agendando uma futura reunião com representantes da localidade que estejam interessados no bem coletivo, a partir de 19 de fevereiro, data em que retornará os trabalhos na Câmara Municipal. Atenciosamente, Washington Campos - Assessor Parlamentar

Mayko Juliao disse...

Thiago, voce disse "perdemos" voce fala em nome da comunidade ou seu? Antes de debater eu preciso saber, pois se vc é beneficiado direta ou indiretamente a VILA será linda e perfeita pra voce. Aqui nao foi mencionado que ela não serve. Só nao houve nenhum estudo de viabilidade pra saber onde seria melhro contrui-la...e qto a perder...ta querendo enganar quem? Houveram 2 doações de terremos, e o porque ela esteve quase perdida? Simplesmente porque "X" queria exigir que a obra da VILA fosse para um parente seu, desta forma, estaria compensando a "tal" doação do espaço. E mais...sobre o processo, se queira falar...eu vou mais além...eu falo desde que o Governo federal encaminhou o projeto pro Estado, e q posteriormente alguns nucelos do projeto de cunho federal cairam nos braços de campos