sexta-feira, 12 de julho de 2013

Prefeitura dá início ao novo REDA da educação

Foi publicado ontem (11.07), no Diário Oficial do Município, o edital destinado a contratação imediata de 513 professores temporários. Trata-se do novo REDA, em nova roupagem, mas em minha visão com as mesmas ilegalidades.
Segundo o edital, os profissionais, que agora serão selecionados através de prova objetiva, serão distribuídos da seguinte forma:
Professor II – 25 horas – 283 vagas
Professor II – 35 horas – 146 vagas
Professor I – 20 horas – 84 vagas
Vale, uma vez mais, destacar a decisão do Ministro do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, que ao manter a decisão da 4ª Vara Cível de Campos, que suspendeu as contratações do REDA, reconheceu a ilegalidade da contratação de temporários justamente nas hipóteses elencadas acima. Abaixo, os principais trechos da decisão, que pode ser lida na íntegra aqui.
REDA STF 2

REDA STF 3
f manha

Nenhum comentário: