quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Operadoras de telefonia preparam reclamação contra o WhatsApp

Questionamento a ser entregue à Anatel será feito contra o serviço de voz do aplicativo

As maiores operadoras de telefonia que atuam no Brasil pretendem entregar à Anatel (Agência Nacional de Telecomunicação) em dois meses um documento com argumentos econômicos e jurídicos contra o funcionamento do aplicativo WhatsApp, controlado pelo Facebook.

O questionamento a ser entregue à Anatel será feito contra o serviço de voz do aplicativo, e não sobre o sistema de troca de mensagens. Uma das empresas do setor estuda também entrar com uma ação judicial contra o serviço, segundo fontes ouvidas pela Reutes.

A ideia das operadoras é questionar o fato de que a oferta do serviço se dá por meio do número de telefone móvel do usuário, e não através de um login específico como é o caso de outros softwares de conversas por voz, como o Skype, da Microsoft.

"Nosso ponto em relação ao WhatsApp é especificamente sobre o serviço de voz, que basicamente faz a chamada a partir do número de celular", disse a fonte, que assim como as outras duas falou sob condição de anonimato.

— O Skype tem identidade própria, um login, isso não é irregular. Já o WhatsApp faz chamadas a partir de dois números móveis.

Matéria do portal R7 com Reuters e Agência Estado

Nenhum comentário: