sexta-feira, 10 de março de 2017

Presidente em reunião sobre indústria e agricultura na região norte do município




Levar conhecimento para o setor de agricultura e implementar a vinda de indústrias para a região norte do município, este foi o foco do encontro na manhã desta quinta-feira (09) do presidente da Câmara, vereador Marcão Gomes (Rede), com representantes da localidade de Santa Maria. Ao final, o grupo entregou um documento com propostas para a região.
Patrick Rangel, Layra Rocha, José Carlos Arêas Gil e Denis Possidonio levantaram a necessidade de organização do setor agrícola. “É uma área que precisa de um estudo para chegarmos às necessidades de fornecimento do município, assim nossos produtores seriam os principais fornecedores. Além disso, precisamos que este agricultor tenha acesso a um estudo sobre o que sua terra pode produzir. Também temos a ideia de desenvolver um selo de origem, reforçando a cultura bairrista de consumir o produto local”, disse Denis.

Sobre o setor industrial os representantes falaram sobre fábricas de outras cidades que utilizam mão de obra campista. “Sabemos de uma fábrica de vestuário de Itaperuna que busca funcionários em Santo Eduardo e Santa Maria. Pensamos em solicitar a instalação de uma unidade da fábrica em nossa região. O que seria bom para a empresa que não gastaria com deslocamento e para nós com a criação de um polo de emprego. Sugerimos também a criação de um curso que ensine a criar cooperativas. E também a vinda de fábricas de móveis, pois Campos fica em um ponto estratégico para a distribuição dessa mercadoria”, revelou Denis.

O presidente da Câmara ressaltou a importância do desenvolvimento do interior. “O foco da atual gestão é tirar do nosso município essa dependência dos royalties, fortalecendo nossa indústria e nossa produção no campo. Para isso a questão da qualificação é um mote importante. Estamos viabilizando, através da nossa Escola Municipal de Gestão do Legislativo (Emugle), a criação de cursos que serão ministrados inicialmente no interior. Para mostrar ao agricultor as alternativas de como produzir mais com o que ele tem hoje, ensinar a cuidar do solo e dos seus animais. Também vamos promover um estudo sobre a água, pois temos muitas nascentes que precisam ser revitalizadas para que a água chegue às propriedades”, disse.

Marcão finalizou com um balanço dos temas levantados durante o encontro. “Falamos sobre agricultura, capacitação e indústria. A questão da agricultura nós estamos trabalhando para levar cursos e também estivemos na Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) levantando quais são os programas que podemos implementar em Campos. Outro viés que podemos trabalhar é com essa mão de obra campista que vai para Itaperuna e nós tentaremos viabilizar algum subsídio para trazer essa empresa para nosso município. Caso não seja possível, implementar o cooperativismo para vender este trabalho que temos aqui. Também falamos sobre a possibilidade da vinda de uma indústria de móveis que podemos trazer para nossa região, criando mais um polo de trabalho”.

*Por Vivianne Chagas - Ascom Câmara Campos

Nenhum comentário: