sábado, 20 de setembro de 2014

Em Campos, 60% dos funcionários dos Correios aderiram à greve

Os 68 funcionários terceirizados seguem trabalhando normalmente.
Greve começou na última quarta-feira (17).

Segue por tempo indeterminado a greve dos Correios que atinge, em Campos dos Goytacazes, 60% do efetivo de funcionários. Estas são informações do Sindicato dos Trabalhadores da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (Sintect). Os 68 funcionários  terceirizados seguem trabalhando normalmente. Segundo a categoria, a reivindicação é de um aumento de 12%.

A greve começou na última quarta-feira (17), depois da rejeição da proposta da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), que ofereceu aumento no valor da inflação, de 6,5%, sem ganho real. A decisão foi tomada pelo Sintect, que informou que os funcionários exigem aumento de R$ 300 , além da reposição da inflação.
Os Correios do Rio de Janeiro informaram, por meio da assessoria, que já estão adotando todas as providências cabíveis para que seja garantida a entrega e o recebimento de correspondências de seus clientes, a fim de minimizar os impactos causados pela paralisação parcial iniciada às 22h de quarta-feira.

Do G1 Norte Fluminense

Nenhum comentário: