quarta-feira, 16 de março de 2016

Santo Eduardo: Ribeirão agoniza e prefeitura não toma nenhuma providência


Como se não bastasse os inúmeros casos de dengue no distrito, casos de ruas com esgoto a céu aberto, falta de limpeza diária em todas as ruas, devido ao número reduzidíssimo de agentes de limpeza, falta de lixeiras públicas e tantos outros fatos que conotam a incompetência do governo Rosinha, agora, cada vez mais, é nítida a morte do Ribeirão Santo Eduardo.
Há tempos que não é feita nenhuma limpeza nas margens do valão e a consequência é que toda a extensão urbana do mesmo se encontra em péssimo estado de degradação, o que nos deixa, como moradores, indignados e com saudade do Sr. Adriano Santana, que na frente do Núcleo de Defesa Civil local, (NUDEC) que hoje não existe mais, fazia toda a diferença e com certeza, se estivesse funcionando, o valão não chegaria a este ponto que chegou.

VERGONHA! INCOMPETÊNCIA! FALTA DE RESPEITO COM NOSSA POPULAÇÃO!

Aspecto de hoje do valão de Santo Eduardo visto da ponte central: mato por toda parte e esgoto.
Esgoto por toda extensão do valão, principalmente na região central do lugar.


Ribeirão de Santo Eduardo, na época que a NUDEC funcionava, vivia com suas margens limpas,

Nenhum comentário: