sábado, 25 de junho de 2011

Enxaqueca: passos preciosos que podem prevenir a dor

Apesar dos registros tão contraditórios nos gatilhos da dor de cabeça, podemos orientar, de uma maneira geral, que os pacientes com enxaqueca:


(1) Façam suas refeições com intervalos regulares, de preferência 3 refeições e 2-3 lanches diários evitando longos intervalos entre elas;
(2) Bebam água com regularidade, uma vez que quando a sede aparece, isto significa que já ocorreu depleção de água no organismo e estamos desidratados;
(3) “Não durmam mais ou menos”, procurem manter suas horas de sono semelhantes, tanto na semana, quanto nos finais de semana;
(4) Evitem o consumo de bebidas alcoólicas;
(5) Façam atividade física, principalmente com alongamentos que privilegiem a coluna cervical. Nas crises de dor, deve-se evitar o esforço físico e mental;
(6) Não tirem conclusões precipitadas ou baseadas em um único episódio de dor, pois correm o risco de relacionar um alimento muito apreciado com a enxaqueca, sem que isso seja verdade. É recomendável observar, outras vezes, a influência desse alimento;
(7) Evitem o consumo de mais que 2-3 xícaras de café expresso ou 3-4 cafés comuns ao dia. Se existir o consumo abusivo de café, a redução deve ser lenta e gradual;
(8) Evitem a auto-medicação e procurem a orientação de um neurologista para acompanhar seu tratamento.

Além das orientações acima, a alimentação das pessoas com enxaqueca deve ser individualizada, privilegiando e atendendo às necessidade básicas de cada um e baseada numa profunda avaliação de cada paciente sobre si mesmo.
Uol

Nenhum comentário: