quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Grêmio tem 'Dia D' para contar com Ronaldinho Gaúcho e deve fazer anúncio

Depois de praticamente um mês de negociações, o Grêmio espera anunciar Ronaldinho Gaúcho nesta quarta-feira. Uma reunião está marcada com o procurador do jogador para o início da tarde e pode selar o negócio. A chegada do presidente do clube a Porto Alegre e do técnico Renato Gaúcho podem ajudar. Caso não se defina a situação, o Grêmio desistirá do acerto.
As inúmeras informações sobre o tema perturbaram a direção gremista. Declarações de Assis, irmão e empresário de Ronaldinho, dizendo que o clube estava "de férias" e que não havia garantia alguma que o craque atuaria em Porto Alegre estremeceram a relação entre o clube e o procurador a ponto do Grêmio não insistir mais nas tratativas. Contudo, não há preocupação com Flamengo ou Palmeiras, já que os cartolas acreditam no acerto.

Por este motivo houve uma longa reunião na noite de segunda-feira. Nela, Antônio Vicente Martins, César Cidade Dias e José Simões, que compõem o departamento de futebol do clube, decidiram a última cartada para ter o camisa 10 no Olímpico. Em outro encontro, na terça-feira, os departamentos de marketing e jurídico foram chamados para acertar os últimos detalhes. Mesmo assim, caso não seja aceito o que for proposto, o Grêmio irá se retirar do negócio.

O que pode pesar para o final feliz na negociação entre Ronaldinho e o Grêmio é a chegada do presidente do clube a Porto Alegre. Paulo Odone estava em férias e retoma as atividades na manhã desta quarta. Principal entusiasta da contratação, Odone pode abrir os cofres do clube e ceder mais do que o esperado.

Outro ponto que pode ser importante é a presença de Renato Gaúcho. O treinador é amigo pessoal de Assis e tem planos para Ronaldinho no Grêmio em 2011. O técnico também chegará a Porto Alegre nesta quarta e promete resolver esta situação.

"Chegou o momento que tínhamos vários contratos e dependia do Milan. Durante o fim de semana recebemos o que o clube queria e temos isso. Vamos analisar. Nunca nos preocupamos com Flamengo ou Palmeiras. Temos a convicção que se for para contratar ou não iremos fazer isso até esta quarta. Se possível faremos uma entrevista coletiva para informar que a negociação está encerrada. Ambas as partes querem o final feliz e o mercado está respondendo muito bem, estou otimista", explicou o vice presidente Eduardo Antonini após uma reunião do departamento de marketing e jurídico do clube ocorrida na terça-feira. "O Odone pode chegar para bater o martelo", completou.

Portanto, a "novela" irá a acabar para o Grêmio nesta quarta. O local da reunião não será oficializado, mas deve mesmo ocorrer no Olímpico. Com trabalhos em dois turnos, as atenções ficarão muito mais na sala da presidência do que no gramado suplementar do estádio gremista. Além do Grêmio, Flamengo e Palmeiras seguem na briga para ter o camisa 10. Assis já conhece todas as propostas e o clube que levar Ronaldinho deve formalizar o acerto em breve.



Marinho Saldanha Uol 

Nenhum comentário: